Vai à praia? Cuidado com a maresia - Barão Pneus
3148
post-template-default,single,single-post,postid-3148,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,woocommerce-no-js,mega-menu-top-navigation,mega-menu-max-mega-menu-2,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-content-sidebar-responsive,columns-3,qode-theme-ver-11.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive
 

Vai à praia? Cuidado com a maresia

Vai à praia? Cuidado com a maresia

Com o calor chegando, as descidas ao literal se tornam mais frequentes. Devido a isso, alguns cuidados a mais com o carro devem tomados. Talvez, vocês devam estar se perguntando: Mas por quê?

 

A resposta é: a maresia! Ela é uma névoa de água salgada do mar que acelera a formação de ferrugem. Possui água e sais minerais que facilitam a oxidação.

 

Atualmente, a funilaria do carro é tratada com anticorrosivos, diminuindo assim, os problemas com a maresia. Porém, se a lataria for danificada com algum tipo de arranhão, estará sujeita a sofrer os danos causados pelo efeito da maresia.

 

O período em que o carro sofre mais dano ao ficar exposto à maresia é durante a noite, quando ela é mais intensa. É recomendado manter o veículo em um local fechado e coberto, com o intuito de diminuir os danos.

 

Os cuidados não se restringem somente durante o tempo em que você estiver na praia. Quando retornar, é importante verificar a condição do motor e da bateria, para se certificar de que estão livres do sal, areia e água. Caso encontre estes resíduos, o recomendado é fazer uma limpeza nas peças e secando-as com muito cuidado.

 

Outras peças que também exigem uma atenção especial após a volta da praia são os amortecedores e outras partes emborrachadas. A areia pode romper as coifas, comprometendo o desempenho da suspensão do veículo.

Tags:


preloader